Menu

Parceria com Old Vines Project

Preservação de vinhas velhas através da formação em poda na África do Sul

A FELCO é um orgulhoso patrocinador do Projeto Old Vine (OVP) na África do Sul e através da formação em poda ajuda a promover e a preservar as vinhas velhas na África do Sul.

Nos vinhedos do mundo inteiro, as vinhas velhas são orgulhosamente mencionadas nas etiquetas das garrafas como uma mais-valia. No entanto, existe apenas um país onde essa afirmação é certificada por uma autoridade reguladora de vinhos nacional, a África do Sul, onde existem mais de 3500 hectares de vinhas velhas certificadas.

Já em 2002, Rosa Kruger, uma reconhecida viticultora sul-africana, reconheceu o potencial, o valor e a singularidade das vinhas velhas. Em conjunto com André Morgenthal, começaram a documentar vinhas velhas e a lançar projetos dedicados para divulgar a pegada do OVP.

“Acreditamos que na sua essência, as vinhas mais velhas produzem um vinho com uma determinada qualidade e caráter singularmente diferente do vinho das vinhas mais jovens…”, explica Rosa Kruger “…mas devido à sua idade, necessitam de mais cuidados. Podámo-las com muito cuidado, cumprindo princípios e diretrizes específicos”.

Atualmente, os membros do Projeto Old Vine podem colocar um selo “Certified Heritage Vineyards” nas garrafas de vinho de vinhedos com 35 anos ou mais, além da data de plantação. Este selo garante ao consumidor que os vinhos são autênticos e as vinhas das quais foi produzido foram criadas de acordo com a viticultura do OVP e as diretrizes de produção de vinho.

A FELCO Africa tem sido um pilar crucial de apoio e um parceiro estratégico do OVP desde a sua inauguração em 2016 e congratula-se por manter o seu envolvimento no apoio do fortalecimento e da sensibilização em termos das habilitações em poda através do conhecimento de todos os níveis dos trabalhadores de vinhas. “A formação e o fortalecimento através da formação e do estímulo dos trabalhadores de vinhas garantirão uma qualificação com base no rendimento e no objetivo específico da comunidade da indústria do vinho e proporcionarão oportunidades para as futuras gerações” explica Gys Liebenberg, CEO da FELCO Africa.

Graças ao lançamento de uma edição limitada da ferramenta FELCO 2, que celebra o 70.º aniversário destas tesouras de podar icónicas, a FELCO Africa, graças à venda destas ferramentas pôde manter quatro cursos de formação, consistindo num módulo teórico, seguido por uma experiência prática e direta num vinhedo de vinhas velhas.

Ao longo de 2019, foram formados quatro formadores que, por sua vez, formaram 60 participantes. Os participantes, por sua vez, irão levar o seu conhecimento relativo aos princípios da poda de vinhas velhas para a rede de 60 membros do OVP. Não é só o conhecimento e a habilitação de pessoas a função principal deste objetivo, é também a importância na melhoria da autoestima e da confiança através da formação e do desenvolvimento de habilitações.

A poda é uma arte que forma a longevidade da vinha e a qualidade do vinho. O OVP e a FELCO esperam uma relação a longo prazo, lavrando o seu crescimento na indústria do vinho e cultivando uma cultura de conhecimento e estímulo.

Para mais informações, contacte:

Gys Liebenberg, Managing Director da FELCO Africa, gys@felco.co.za, +27 82 458 6847
Michèle Charpié, FELCO SA, mcharpie@felco.com, +41 32 858 14 21

Old Vine Project

O OVP foi oficializado em 2016 com fundos iniciais da Rupert Foundation, embora o esforço para documentar as vinhas velhas da África do Sul ter sido iniciado pela viticultora Rosa Kruger em 2002. O OVP pretende centrar os esforços na contribuição e melhoria do estímulo ambiental e social e do impacto económico positivo na indústria do vinho. www.oldvineproject.co.za